ERP

O Enterprise Resource Planning (ERP), ou Planeamento de Recursos Empresariais, é um sistema integrado de gestão empresarial que gere e agrega todos os dados e processos de uma empresa num único sistema, facilitando o planeamento dos recursos da mesma.

O ERP integra e interliga as diversas atividades de uma empresa, desde o fabrico, cadeia de fornecimento e logística às finanças e recursos humanos, possibilitando a automatização, o armazenamento e a organização de todas as informações do negócio num só lugar.

Quais são as vantagens de um sistema ERP?

  1. Automatização – ao automatizar as atividades da empresa, um ERP ajuda a padronizar os processos reduzindo o tempo que os trabalhadores precisam para realizar tarefas burocráticas e repetitivas. Permite também diminuir a duplicação de informação e a ocorrência de erros.
  2. Melhor comunicação – a integração proporcionada pelos sistema ERP facilita a comunicação entre setores, tornando-a mais eficaz.
  3. Redução de custos – ao incluir informações dos diferentes departamentos da empresa e facilitar o acesso aos dados, o ERP permite ao gestor acompanhar melhor os movimentos de dinheiro e definir medidas e estratégias para reduzir os custos. O ERP pode também ser utilizado para controlar eficazmente os stocks da empresa.
  4. Aumento da produtividade – a integração da informação no sistema permite uma visão e análise mais clara do estado dos diferentes departamentos da empresa, permitindo tomar medidas para aumentar a produtividade.
  5. Análise e acompanhamento das vendas – um sistema ERP permite monitorizar as vendas e apurar os produtos ou serviços que vendem melhor. Assim, o gestor pode criar estratégias que privilegiem os produtos e serviços com mais sucesso, baseado em dados concretos. Ao comunicar automaticamente com o departamento de stocks permite ainda garantir uma gestão mais rigorosa dos mesmos.
  6. Apoio à tomada de decisão – o software favorece uma análise de dados e processos mais eficaz. Ao fazê-lo permite aos gestores tomar decisões baseadas em informações precisas e criar medidas e estratégias em prol do crescimento e da rentabilidade da empresa.

E quais são as desvantagens de um sistema ERP?

  1. Custos – um sistema ERP não integra por si só todas as vertentes da empresa e necessita de ser adaptado às necessidades de cada organização. Os custos com a implementação podem ser avultados.
  2. Dependência – a integração e automatização total tornam a empresa completamente dependente do software, tornando-a vulnerável em caso de falha. Torna-a igualmente dependente dos fornecedores do sistema para providenciar suporte na resolução de problemas. O facto de todos os departamentos estarem interligados e de um departamento depender da informação dos restantes exige que haja uma atualização permanente e eficaz da informação.

Perguntas semelhantes: