Dicionário

Inventário - O que é inventário?

Um inventário é uma lista dos elementos constituintes do património de uma pessoa ou organização e do seu valor. Numa empresa, o inventário deve conter não só as mercadorias, mas também outros bens necessários para a prossecução da atividade económica, como viaturas e outros equipamentos usados.

Razões para fazer o inventário

A razão principal para uma empresa fazer o inventário é, evidentemente, conhecer a sua situação em termos de existências. Porém, este também pode ser realizado para:

  • Responder antecipadamente a aumentos na procura;
  • Precaver-se contra aumentos inesperados na procura;
  • Aproveitar os descontos de encomendar mercadorias em grandes quantidades;
  • Prevenir ruturas na atividade;
  • Prevenir que as mercadorias passem demasiado tempo armazenadas.

Quando é feito o inventário

Nas empresas, o inventário é realizado, por norma, nos últimos dias de cada ano ou nos primeiros dias do ano seguinte. É nestes períodos que muitas empresas se encontram “fechadas para inventário”.

Ao fazer a listagem é possível saber quais os bens que estão disponíveis para venda, bem como outros que tenham eventualmente desaparecido ou se tenham deteriorado.

Obrigatoriedade de comunicação do inventário

Em Portugal, é necessário comunicar o inventário das existências, ou seja, das mercadorias e matérias primas para as entidades singulares ou coletivas que:

  • Tenham contabilidade organizada;
  • Tenham realizado uma faturação superior a 100 000 € no ano anterior.
  • Possuam sede, estabelecimento estável ou domicílio fiscal em Portugal;

O prazo máximo para a comunicação do inventário é o dia 31 de janeiro do ano seguinte ao que se refere o inventário para as empresas cujo período de atividade coincida com o ano civil. Para as restantes, o inventário das existências deve ser comunicado até ao final do mês seguinte à data em que termina o período.

No caso das empresas sem existências, não existe obrigatoriedade de comunicar o inventário, sendo que apenas devem declarar esse facto no site do e-fatura.

Os diferentes tipos de inventário

Um inventário pode ser classificado de diferentes formas. Uma delas é ser geral ou parcial, ou seja, se abrange todas as existências ou apenas ou parte delas. O inventário também pode ser classificado em simples e classificado:

  • Inventário simples: listagem dos elementos patrimoniais sem qualquer ordem específica.
  • Inventário classificado: os elementos patrimoniais são agrupados pela sua natureza, funções e características.

Perguntas semelhantes:

Newsletter
Newsletter
Contacto
Siga-nos
As suas configurações de cookie para este site:

Escolha quais dos seguintes cookies o site pode usar. Pode alterar essas configurações a qualquer momento através da nossa Política de Privacidade.

Altere as suas configurações de cookies com a barra deslizante:
Necessários
Necessários
Estatísticas
Estatísticas
Conforto
Conforto
Segmentação
Segmentação